Domingo, 29 de Maio de 2005

...


Paz Perfeita (reflexão)

Havia um rei que ofereceu um grande prêmio ao artista que fosse capaz de captar numa pintura a paz perfeita. Foram muitos os artistas que tentaram.
O rei observou e admirou todas as pinturas, mas houve apenas duas de que ele realmente gostou e teve que escolher entre ambas.
A primeira era um lago muito tranqüilo.
Este lago era um espelho perfeito onde se refletiam umas plácidas montanhas que o rodeavam. Sobre elas encontrava-se um céu muito azul com tênue nuvens brancas.
plo.JPG
Todos os que olharam para esta pintura pensaram que ela refletia a paz perfeita.
A segunda pintura também tinha montanhas.
Mas estas eram escabrosas e estavam despidas de vegetação. Sobre elas havia um céu tempestuoso do qual se precipitava um forte aguaceiro com faíscas e trovões. Montanha abaixo parecia retumbar uma espumosa torrente de água.
Tudo isto se revelava nada pacífico. Mas, quando o rei observou mais atentamente, reparara que atrás da cascata havia um arbusto crescendo de uma fenda na rocha. Neste arbusto encontrava-se um ninho. Ali, no meio do ruído da violenta camada de água, estava um passarinho placidamente sentado no seu ninho.
paz.JPG


Paz perfeita!

Qual pensas que foi a pintura ganhadora?

O rei escolheu a segunda.

Sabes porquê?

"Porque", explicou o rei, "paz não significa estar num lugar sem ruídos, sem problemas, sem trabalho árduo ou sem dor."

"Paz significa que, apesar de se estar no meio de tudo isso, permanecemos calmos no nosso coração."

"Este é o verdadeiro significado da paz"

publicado por bitu às 16:02
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De Anónimo a 31 de Maio de 2005 às 16:31
Belo texto!
Obrigada pela paz que inspiras!
Beijo grandeisa
(http://singular.blogs.sapo.pt)
(mailto:singularidade@postmark.net)


De Anónimo a 30 de Maio de 2005 às 10:11
Olá Bitu, sei qual é a paz a que te referes, nem sempre se alcança, se encontrares alguém que a mantenha permanentemente diz-me :)
Eu já alcancei algumas vezes, espero alcançá-la mais vezes, a vida é mesmo assim, quando o nosso interior está em paz nada nos derrota.Sei do que falas.
Quanto ao convite :) estã sempre convidados(as) os(as)meus amigos(as) em qualquer altura, mas vou confessar uma coisa: pela 1ª vez, este ano, quase não me lembro da data que se aproxima.um beijo para ti.gaivotadaria
(http://gaivotadaria.blogs.sapo.pt)
(mailto:bgaivota@sapo.pt)


De Anónimo a 29 de Maio de 2005 às 18:44
Já senti essa páz quando passei uns dias no alentéjo! beijocasa deprimida
(http://adeprimida.blogs.sapo.pt/)
(mailto:kerias@sapo.pt)


De Anónimo a 29 de Maio de 2005 às 16:40
Visita este novo forum de critica

http://www.my-forum.org/foros.php?id=15506Clica aqui
(http://www.my-forum.org/foros.php?id=15506)
(mailto:amadoran@sapo.pt)


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
29
30
31


.posts recentes

. Água e Sabão: Contra as B...

. Estórias de Natal

. ...

. ...

. ...

.

.

.

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

.

1º Dezembro , do...

. ...

.arquivos

. Julho 2009

. Novembro 2008

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

.favorito

. Mensagem de Páscoa...

blogs SAPO

.subscrever feeds