Terça-feira, 14 de Junho de 2005

O ADEUS AO POETA!


Já gastámos as palavras pela rua, meu amor,
e o que nos ficou não chega
para afastar o frio de quatro paredes.
Gastámos tudo menos o silêncio.
Gastámos os olhos com o sal das lágrimas,
gastámos as mãos à força de as apertarmos,
gastámos o relógio e as pedras das esquinas
em esperas inúteis.
Meto as mãos nas algibeiras e não encontro nada.
Antigamente tínhamos tanto para dar um ao outro;
era como se todas as coisas fossem minhas:
quanto mais te dava mais tinha para te dar.
Às vezes tu dizias: os teus olhos são peixes verdes.

E eu acreditava.
Acreditava,
porque ao teu lado
todas as coisas eram possíveis.
Mas isso era no tempo dos segredos,
era no tempo em que o teu corpo era um aquário,
era no tempo em que os meus olhos
eram realmente peixes verdes.
Hoje são apenas os meus olhos.
É pouco mas é verdade,
uns olhos como todos os outros.
Já gastámos as palavras.
Quando agora digo: meu amor,
já não se passa absolutamente nada.
E no entanto, antes das palavras gastas,
tenho a certeza
de que todas as coisas estremeciam
só de murmurar o teu nome
no silêncio do meu coração.
Não temos já nada para dar.
Dentro de ti
não há nada que me peça água.
O passado é inútil como um trapo.
E já te disse: as palavras estão gastas.
Adeus.



"Eugénio de Andrade"

publicado por bitu às 21:34
link do post | comentar | favorito
|
11 comentários:
De Anónimo a 20 de Junho de 2005 às 20:21
Por acaso já conhecia esse poema, é simplesmente lindo... Gostei do blog =)

:)Sara
(http://www.likestatues.blogspot.com)
(mailto:saraferreira582@hotmail.com)


De Anónimo a 16 de Junho de 2005 às 04:10
Olá...gostei muito do seu blog, qdo tiver um tempinho dá uma passadinha no meu...ótima quinta pra vc!!..beijossssLívia
(http://www.sempresonhar.blogger.com.br/index.html)
(mailto:livia3232@yahoo.com.br)


De Anónimo a 15 de Junho de 2005 às 22:23
Voltei, não te livras de mim... não é que depois de um dia de trabalho estou bloqueada? É que queria enviar-te um email e não tenho o teu endereço.
Beijinhos.gaivotadaria
(http://GaivotadaRia.blogs.sapo.pt)
(mailto:bgaivota@sapo.pt)


De Anónimo a 15 de Junho de 2005 às 22:17
Cada dia que passa vamos conhecendo a sua obra e os seus poemas, cada dia que passa é uma homenagem!beijos!!!segundavida
(http://segundavida.blogs.sapo.pt/)
(mailto:melo887@sapo.pt)


De Anónimo a 15 de Junho de 2005 às 16:07
Oie minha linda Bitu!!!

Bom passei pra deixar minha marquinha e um pensamento para a semana tbm..

De um lindo e novo dia o abrir das portas do infinito

Ele vem brilhar em seu caminho mostrando-lhe uma nova chance ...

Uma nova perspectiva de inspiração em sua vida.

Venha brilhar com o sol.

Venha amar, ser feliz.

Venha VIVER...

Tenha uma linda quarta feira!!!

Beijos
SUZI SGAI
(http://www.noisnanet.blogger.com.br)
(mailto:suzisgai@globo.com)


De Anónimo a 15 de Junho de 2005 às 14:33
É engraçado como ainda não encontrei um texto, um poema, de Eugenio de Andrade que pudesse dizer assim: "...não gosto muito..."
Bitu ai que vergonha!!! Ainda não respondi à cadeia da musica...
Beijo grande repenicado, sabes como é? Daqueles que fazem barulho :)))gaivotadaria
(http://gaivotadaria.blogs.sapo.pt)
(mailto:bgaivota@sapo.pt)


De Anónimo a 15 de Junho de 2005 às 13:03
Gostava muito dele, era o "meu" poeta. O Morsa tem razão quanto ao lado politico, mas eu adoro o lado escritor. "O poema á mãe" será para sempre o meu poema de eleição.Maria Carocha
(http://mariacarocha.blogs.sapo.pt/)
(mailto:catarina_1raimundo@hotmail.com)


De Anónimo a 15 de Junho de 2005 às 11:41
Não está nos meus all-time favorites mas reconheço invulgares capacidades poéticas no defunto senhor! No entanto, borra a pintura toda ao ser um empedernido comunista marxista-leninista com a idéia de que não haveria melhor para Portugal do que os planos quinquenais de Lenine no milénio passado! Por isso respeito o poeta, mas não consigo deixar de abominar a pessoa! Meantime... may he rest in peaceMorsa
(http://vemorsa.blogspot.com)
(mailto:mrpereira@iscal.ipl.pt)


De Anónimo a 15 de Junho de 2005 às 10:12
Vim agradecer a visita e comentário. Desculpe ter demorado mas tenho andado atarefada a descobrir tudo o que me rodeia. Vá passando. Beijinhos e um resto de semana feliz. Ana Ana
(http://princesinha.blogs.sapo.pt)
(mailto:sofia_ana1@sapo.pt)


De Anónimo a 15 de Junho de 2005 às 01:06
Boa noite minha amiga Bitu... Me desculpe pela demora, mas é que estou atravessando uns problemas mas tudo será resolvido se Deus quiser...
Desejo a você e a sua família uma otima semana cheia de paz, luz e harmonia.
Um grande beijo cheio de paz e luz em seu coração
KekkoMarcelo Moreira
(http://kekko31.weblogger.com.br)
(mailto:mgm28@terra.com.br)


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
29
30
31


.posts recentes

. Água e Sabão: Contra as B...

. Estórias de Natal

. ...

. ...

. ...

.

.

.

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

.

1º Dezembro , do...

. ...

.arquivos

. Julho 2009

. Novembro 2008

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

.favorito

. Mensagem de Páscoa...

blogs SAPO

.subscrever feeds